Como superar a crise econômica no Brasil

Como superar a crise econômica no Brasil

25/05/2020 | Fonte: Nero Perícias

A crise de 2020 tem causado grande sofrimento em todo o mundo. O fato é que, além de prejudicar a saúde em geral, a crise 2020 também trouxe uma grande crise econômica.

No Brasil não está sendo diferente e mesmo com os recursos emergenciais do governo atual, muitas famílias, autônomos e empreendedores estão sofrendo financeiramente, pois, estão impedidos de irem buscar seu sustento.

Para ajudar esse público resolvemos criar um artigo completo sobre o assunto que abordará, de forma clara e objetiva, como está a situação econômica atual e, também, como ficará após a crise.

Se você quer se preparar e superar a crise econômica no Brasil, não deixe de ler esse conteúdo, com certeza será de grande ajuda.

Qual o cenário atual?

Não é possível ter uma ideia concreta a respeito da situação econômica no Brasil neste momento, apenas podemos, através de pesquisas e verificação de dados, supor algumas teorias.

Portanto, para se ter uma ideia panorâmica, precisamos olhar a situação de modo crítico, analisando os seguintes fatores:

Setores da economia prejudicados

É de conhecimento que o afastamento social obrigou lojas, varejos e comércios a fecharem as portas durante a crise, certo? Sendo assim, podemos constatar que o imposto pago ao governo quando o consumidor compra um produto caiu drasticamente.

Também é preciso salientar que empresas e autônomos prestadores de serviços também não estão podendo operar normalmente, o que representa boa parte do dinheiro que vai para os cofres públicos.

Com isso em mente é possível perceber que o país está se mantendo com o capital que já possui e com o imposto reduzido.

Governo gasta dinheiro com a crise

A crise 2020 pediu medidas extremas e tais medidas precisam de investimento para serem realizadas. Abaixo é possível observar alguns setores que pedem atenção especial durante a crise

Setor da saúde

O setor da saúde precisa estar com equipamento, estrutura e colaboradores suficientes para atender a demanda.

Ajuda a estados e municípios

Muitos estados e municípios já decretaram estado de calamidade pública devido a crise 2020. Para auxiliar esses estados e municípios o governo federal tem enviado muito dinheiro, a fim de reduzir os danos causados pela crise.

Ajuda as empresas

A grande maioria dos empregos no Brasil são garantidas por pequenas e médias empresas. Para que essas empresas não sofram com a crise 2020, o governo lançou uma ajuda financeira para pagamento de funcionários e congelou o recolhimento de tarifas como o FGTS.

Ajuda para a população

Para auxiliar a população em momento onde não é possível trabalhar, o governo resolveu pagar um auxilio emergencial no valor de 600 reais e, para mães chefes de família, o valor de 1200 reais, por três meses.

Tal ajuda está custando bilhões de reais aos cofres públicos. Claro que não está em xeque o merecimento do cidadão brasileiro, apenas estamos fazendo um balanço, mesmo que muito superficial.

Apenas com os itens acima, já podemos perceber que o governo federal está gastando muito dinheiro para manter o país preparado para a crise 2020. Até o momento não há indício de que o governo ficará sem dinheiro, o que preocupa é: Até quando o governo federal conseguirá manter esses serviços sem o retorno desse dinheiro?

Como será o Brasil pós crise 2020?

profissões em alta no mercado

No ponto de vista de muitos economistas, o maior problema não é a crise 2020, apesar de ser um pouco grave, está sendo controlada com os recursos do governo. O maior problema virá após a crise, pois, com tanto dinheiro gasto para conter o avanço da doença, a dívida com os cofres públicos será muito grande.

Claro que, por enquanto, é possível apenas criar suposições, pois, para chegar a uma conclusão certa é preciso ter informações de diversas variáveis e, dentro destas a variável mais importante: O tempo que a crise irá durar.

O período em que o Brasil ficará de isolamento social irá determinar o tamanho da crise que está por vir, uma vez que, quanto mais tempo, mais dinheiro terá que ser injetado.

Para se ter uma ideia geral, podemos destacar como consequência da crise três fatores:

  • Aumentos dos impostos em geral

  • Aumento do imposto de renda

  • Aumento do imposto para pessoa jurídica

Cada um dos três fatores acima irá causar uma cadeia de reações no mercado brasileiro, podendo aumentar a taxa de desemprego e fechar as portas de muitas empresas.

Se preparando para 2021

Agora que podemos ter uma ideia geral do cenário econômico durante e após a pandemia, é hora de se preparar para quando a crise apertar. Para isso trouxemos algumas sugestões que, sem dúvida, poderão ser úteis:

Evitar o desespero

Não é a primeira crise econômica do país e, de certa forma, a crise já está sendo esperada por nossos governantes, portanto, podemos acreditar que nossos ministérios já estão traçando planos de ação no combate a crise.

Manter o emprego atual

Não é uma boa hora para se aventurar em águas desconhecidas, principalmente se a profissão pretendida não estiver em alta em 2020.

Claro que, se você tem certeza que está mudando para melhor, pode tentar uma nova carreira, mas, aconselho que leia primeiro nosso conteúdo: Quais as profissões em alta para 2020 ?

Evitar gastos desnecessários

A ideia, no momento, é economizar, portanto evitar os gastos desnecessários é fundamental para não sofrer grandes prejuízos durante a crise.

Buscar soluções inovadoras

Se você é empreendedor, o momento é de inovação. O mercado, apesar de não ficar quente, não estará morto, portanto, as melhores ideias de negócio tomarão a frente.

Claro que é preciso ter um planejamento financeiro para conseguir colocar em prática as dicas citadas até esse ponto do conteúdo, mas, não se preocupe, a seguir ensinaremos como manter um planejamento financeiro utilizando uma ótima estratégia.

Planejamento financeiro – Se preparando agora para não sofrer depois

quais as profissões em alta

Você provavelmente, quando decide comprar algo, como um automóvel ou aquele smartphone top de linha, provavelmente vai para o caderninho e começa a fazer uma série de contas, não é mesmo? Junta um dinheiro aqui, paga algumas prestações para abrir crédito, certo?

A ideia aqui é parecida, mas em vez de se planejar para gastar, a ideia é se planejar para pagar as contas. Isso mesmo, pode ter certeza que, quando a crise chegar, as pessoas com dividas serão as que mais irão sofrer.

Para fazer um bom planejamento financeiro para a crise, faça o seguinte passo a passo:

Verifique quanto do seu salário liquido está comprometido com as contas

O ideal é ter, pelo menos, 20% a 30% do salário livre, para não correr o risco de ficar sem dinheiro.

Crie, com você mesmo, um plano de pagamento. Faça isso da seguinte maneira:

  1. Separe todos os parcelamentos com menos de doze meses.

  2. Verifique quanto você precisaria gastar para pagar esses parcelamentos.

  3. Veja quanto tempo precisará juntar dinheiro

  4. Comece pagando os parcelamentos menores

Conseguirá pagar e ainda vai sobrar um pouco de dinheiro? Coloque na poupança

Se você começar a juntar dinheiro agora terá um fundo de garantia próprio caso ocorra algum imprevisto no futuro.

Agora que você já se organizou financeiramente e montou um planejamento financeiro para superar a crise econômica no Brasil, não deixe de colocar isso em prática.

Claro que, infelizmente, o Brasil não é o país dos sonhos e, mesmo antes da crise 2020 já havia milhões de desempregados que irão sofrer ainda mais quando crise chegar.

Mas, não fique muito preocupado, separamos um tópico especial com uma dica incrível que, sem dúvida, irá te ajudar a ganhar dinheiro e superar a crise.

Está gostando deste artigo?

Cadastre-se aqui para receber nossas dicas semanais
e exclusivas toda semana no seu e-mail.

Estou desempregado e endividado. E agora?

Se você está desempregado, é hora de mudar sua situação. Mas, para isso, é preciso colocar os dois pés no chão e ser realista. Veja se você se encaixa em alguns itens da lista abaixo:

  • Possui curso superior

  • Possui curso técnico

  • Tem experiencia profissional em algum setor que está em alta

  • Fala inglês fluente

Se você se encaixa em algum dos itens acima, parabéns, mas ainda assim a taxa de desemprego pode dificultar na hora de encontrar um trabalho.

Mas, se você não se encaixa em nenhum dos itens citados, não se preocupe, apenas precisará entender o seguinte: Ficará muito difícil encontrar o trabalho, visto que a procura irá aumentar drasticamente.

Portanto, você precisa, urgentemente, de uma capacitação que te torne um profissional desejado no momento e que não possua um longo tempo de duração, visto que a crise está em cima de nossas cabeças.

Eu sugiro fortemente o seguinte curso: Curso de Perito grafotécnico

Esse curso é o ideal no momento, uma vez que esse profissional é altamente requisitado, não há muitos profissionais atuando na área, é bem remunerado e o curso de capacitação é extremamente rápido.

Se você quer saber o que é um perito grafotécnico e como se tornar um, veja abaixo:

O que é um perito grafotécnico

O perito grafotécnico é o profissional que analisa e verifica a autenticidade da escrita humana, uma vez que cada pessoa escreve de forma diferente.

Através desse profissional é possível verificar fraldes e falsificações e, por esse motivo, ele é altamente requisitado no universo jurídico. Lembrando que não é incomum empresas da iniciativa privada contratarem o perito grafotécnico.

Como se tornar um profissional

Para se tornar um profissional na área é preciso fazer o seguinte:

Realizar um curso de capacitação

O curso de perícia grafotécnica pode ser feito totalmente a distância e o certificado vale tanto quanto presencial.

Para saber mais a respeito do curso sugiro que viste a seguinte plataforma: https://cursodeperitografotecnico.com.br/, que é referência no mercado e pode transmitir todo o conhecimento necessário para o aluno.

Divulgar o serviço

No curso será ensinado ao aluno a realizar a divulgação do mesmo, de modo a começar a trabalhar de forma rápida e com paciência.

Após terminar o curso será preciso realizar o cadastro no Tribunal de Justiça, tal procedimento também é transmitido ao aluno durante a aula.

Torne-se um Perito Grafotécnico com apenas 22 horas de curso

Enquanto as outras profissões com salario alto exigem anos e anos de estudo em um faculdade e depois em uma especialização, a profissão de perito grafotécnico, que é uma profissão que dá excelentes rendimentos, exige apenas que você faça um curso de 22 horas/aulas.

Isso mesmo, você só precisa fazer um curso de 22 horas/aula para começar a ganhar muito dinheiro com esta profissão e, lembrando, que pode ser exercida nas horas vagas e em paralelo com sua atividade atual.

Aproveite a Promoção do Curso de Formação de Perito Grafotécnico!

O preço normal do curso de perícia grafotécnica da Nero Perícias é R$ 1.299,00.

No entanto se você se inscrever agora este curso sairá para você por apenas R$ 669,00 e este valor você poderá parcelar em 3 vezes sem juros de R$ 223,00.

Se preferir poderá pagar em até 10 vezes; neste caso o curso sairá por 10 parcelas de R$ 79,90.

E mais, se inscrevendo agora você ainda levará 3 brindes exclusivos, veja:

bonus receita do passo a passo de como fazer a pericia grafotecnica

Receita de Bolo de Como Fazer
a Perícia Grafotécnica

Aprenda o passo a passo de como fazer a Perícia Grafotécnica.

Este manual é o guia definitivo e perfeito para que não se perca nos exames grafoscópicos.

aula bonus como se cadastrar no tribunal de justica para atuar como perito judicial grafotecnico

Aula Bônus: como se cadastrar no Tribunal de
Justiça para atuar como Perito Judicial Grafotécnico

Excelente aula para quem está começando na área. Com esta aula você aprenderá a como se cadastrar nas diversas varas judiciais e a começar a atuar como Perito Judicial.

Inclui ainda um modelo de carta de apresentação para entregar nas varas que não possuem sistema de cadastro eletrônico.

aula bonus Como divulgar e atuar como assistente tecnico grafotecnico

Aula Bônus “Como divulgar e atuar como Perito
Assistente Grafotécnico”

Nesta aula você aprenderá o que faz um Assistente Técnico, como atuar e como divulgar seus serviços e atrair clientes!

Tudo de forma simples e descomplicada. Com esta aula você abre um novo mercado de atuação e, consequentemente, aumenta seus ganhos!

E mais, Garantia de Satisfação ou seu Dinheiro de Volta!

curso de perícia grafotécnica com garantia

100% SATISFAÇÃO GARANTIDA OU SEU DINHEIRO DE VOLTA

Fique tranquilo, se achar que o curso não é para você, basta dizer que terá 100% de seu dinheiro de volta!

Isso mesmo, experimente o Curso de Formação de Perito Grafotécnico por 7 dias e, se você não ficar satisfeito, seu dinheiro será devolvido Imediatamente, sem questionamentos e sem burocracia.

Com uma garantia tão boa quanto esta, impossível você não adquirir o curso agora mesmo! Você não tem nada a perder. Somente lucros te aguardam!

Inscreva-se agora mesmo e aproveite!

Mude de Vida agora mesmo! Conquiste uma nova profissão que pode ser exercida em paralelo com a sua atual e que te dá ganhos de R$ 20 mil mensais ou mais.

Quero me tornar um Perito e mudar de Vida!

 

Leia também...
Qual é o salário de um perito judicial?

Se você está procurando uma profissão onde possa fazer a diferença, essa é definitivamente uma delas...

Como sair da Crise Econômica ?

Não é segredo para ninguém que o Brasil está sofrendo uma crise econômica devido a pandemia e ...

Quem pode ser Perito Criminal ?

Você já quis exercer uma profissão instigante que fizesse diferença na vida das pessoas? ...